Otávio - O Filho De Um Shrek

Era uma vez um coelho que vivia numa gaiola.

Aos poucos ele foi sendo solto ao novo ambiente e gerando tiro porrada e bomba.

Este coelho então passou a ter liberdade com tempo limitado com crianças na casa e total à tarde, quando todos estão na escola.

E hoje, o coelho, de tão livre foi esquecido e sumiu.

Foi procurado em todos os lugares, inclusive dentro da geladeira, da privada. 

Essa peste ainda não atende quando chamado pelo nome e não emite som algum, logo a imbecil que o procurou dizia seu nome a cada segundo, em vão.

Uma vontade louca de chorar, foi procurado pelas janelas do apartamento.

Então concluiu-se que ele teria comido o alface da horta (o que seria fatal) e morrido em algum canto. 
Só descobriríamos depois de decomposto.

Ou então, teria fugido pra morrer longe dos que o amam, para não o verem sofrer, por ter roído uma folha de revista e a alça do chinelo do chefe.

No auge do desespero, já levantando a bandeira branca, eis que este tremendo filho de um shrek como bem diz o caçula da casa, sai de dentro do armário do fogão embutido. Local que nem a dona da casa sabia que era possível adentrar.

O coelho segue bem. Eu? Com as pernas bambas até agora.


*um belo dia André foi xingado de filho de um burro e rebateu na sequência: filho de um shrek
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Kkkk... Adorei! Esses bichinhos entram em cada lugar, né! O que importa é que passado o susto todos (ou quase todos) estão bem!
    Bjss

    ResponderExcluir
  2. Olá Janaína, a gente se apega tanta aos bichinhos,
    que não imagina que que possam se esconder em
    lugares inusitados.
    O bom é que está tudo bem, amei...
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir

FAZ DE CONTA que esse post é vital pra você e repasse para seus amigos...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo Web Analytics
Casa de Faz de Conta © Copyright 2013. Desenvolvido por Elaine Gaspareto