Dr. Severino, Traga o Mundo de Volta


É com imenso pesar que divulgo aqui que perdi a fé nos médicos. Na verdade, eu acho que os médicos morreram. E pra batear o custo e aumentar o lucro, as universidades estão formando profissionais contábeis da saúde.
Antigamente, lá em Nova Esperança, eu tinha dois médicos: o dr. Severino e o dr. "Não lembro o nome".
Eram eles que cuidavam da minha garganta doente, das minhas crises de ouvido, dos meus remédios de verme, das gotinhas de Novalgina pra febrona e até da colher de água pra fescurinha na hora da visita que faziam à minha Bisa - sim, eram médicos dela também.
 
Passeavam pela cidade, conhecendo os pacientes, de verdade, batendo papo, tomando café e aproveitavam pra consultar aqueles que precisavam. De graça. Pagos pela prefeitura e (acho) que pelos poderosos.
 
E isso, hoje em dia é raro! É impossível.
Quase, porque embora eu não encontre o dr. João na rua, ele me atende, me acalma e me orienta a qq hora do dia com a mesma atenção de sempre.
 
Vou viajar, não deu tempo dos meninos operarem antes dessa viagem, um saiu do antibiótico há 1
semana, o outro começou com a tosse ontem, ligo pro otorrino pedindo uma orientação, coisa boba: "Doc, SE eles reclamarem de dor de ouvido (2 vão operar os ouvidos tbm), eu dou algum medicamento? Qual? Qto)" e a secretária avisou que vai passar a carteirinha do convênio.
Só por que eu liguei?
 
Virei pro espelho e eu tava vestida de Libra Esterlina, olhei os meninos e os 3 vestiam Dólar.
 
Sendo assim, na próxima crise ligo pro gerente do meu banco? 
 
(NÃO. NÃO ESTOU DIZENDO QUE MÉDICOS DEVEM TRABALHAR DE GRAÇA!!Muito pelo contrário, deveriam ser remunerados de acordo com o risco que correm e pela responsabilidade que assumem!!)
 
Sei lá, não era esse mundo que eu tinha escolhido quando resolvi voltar. Não era.
E a coisa não é só com eles não. Acho coisa de ET a manicure que cobra francesinha mais caro.
Gente, gente!!!! Parai-vos!
 
Desabafei.
Na esperança do mundo voltar a ser o que era...
 
Um beijo e até.
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Mas, o mundo está todo assim. às vezes tenho medo de entrar em uma loja e me cobrarem pedágio! Fiz alguns exames e em um deles não havia material suficiente, o que significa que o exame NÃO foi feito! O laboratório cobrou o valor total, como se o exame tivesse sido feito! Sem direito à reclamação! Arff...
    Bjks. Neli - Iaiá Arteira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iaiá, eu ainda acredito que a gente deve gastara última gota de suor cobrando nossos direitos. Trabalho de formiguinha, sabe?
      Quem sabe, quando meus netos forem avós, já haja um atendimento justo...

      Beijo.

      Excluir
  2. Oi Janaína, realmente a qualidade do serviço de saúde está bem ruim, mas aqui no Rio eu ainda tenho alguns médicos bons. Eu morei em São Pedro d'Aldeia e na minha época os médicos também iam em casa, conheciam a família. Era outro tipo de atendimento.
    Um ótimo final de semana pra vocês
    beijos
    Chris
    Inventando com a Mamãe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chris, eu graças a Deus, tenho mais médicos bons que ruins. Atravesso a cidade, passo a tarde no trânsito e não abro mão deles.
      É que esse tipo de coisa, quando acontece, revolta de uma tal maneira que é preciso dividir e ver se realmente faz sentindo tanta indignação, ou não...
      Um beijão.

      Excluir
  3. Realmente está cada dia mais díficil encontrar médicos que cumpram a sue dever. Como vc disse é claro que eles tem que receber e bem, mas não assim...
    ótimos post! Devemos sim, desabar para mostrar que estamos de olho!
    Bjos
    Tatty Nunes - Mãe de Primeira Viagem

    ResponderExcluir

FAZ DE CONTA que esse post é vital pra você e repasse para seus amigos...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo Web Analytics
Casa de Faz de Conta © Copyright 2013. Desenvolvido por Elaine Gaspareto